Conselho Diário do Tarot #77 - Não existem atalhos na vida

22-06-2017

Ninguém disse que ia ser fácil viver esta vida. Ao contrário, viver é uma aventura, onde não sabemos o que vamos encontrar na próxima curva. É um caminho que oferece muitos perigos, mas também muito aprendizado.

Afinal, por que estamos vivendo esta vida? Por que estamos aqui? Você já parou para pensar nisso? 

Será que realmente nós só viemos neste planeta para ficar sofrendo o tempo todo e sobrevivendo a cada dia, sem nenhuma perspectiva de uma missão, de um significado maior para tudo que somos?

Pois parece que, para algumas pessoas, a vida se resume aos seus próprios interesses, não importa a sua missão, o que pode fazer pelo próximo, não importa a sua utilidade nesta Terra, torna-se inútil, pois só quer saber dela mesma e de seus próprios problemas. É um egoísta, mimado e infeliz.

E este tipo de pessoa quer solução instantânea para todos os seus problemas, sem entender que o processo que ela está passando é exatamente para ensiná-la a entender o seu lugar neste mundo.

Mas, ao invés de aprender, a pessoa continua sofrendo, querendo as suas soluções instantâneas, como ter o seu amor de volta, seu emprego para ontem, amarrar aquela pessoa que não quer saber dela, ganhar na loteria, enfim, querem uma solução, num passe de mágica, para que tudo se transforme da noite para o dia.

Mas sinto lhe dizer que a vida não é assim. Ao contrário, o que você vive hoje é fruto de tudo que você semeou no passado e não será diferente no furuto se você continuar semeando as mesmas sementes.

Acorde, perceba que o mundo não gira ao seu redor, você não veio para ser servida, atendida em todos os seus caprichos. Enquanto você coninuar a pensar assim, terá apenas sofrimento em sua vida.

A vida não tem atalhos, todos os processos precisam ser vividos, todas as provas precisam acontecer, para que você passe por elas e seja aprovada. Se você quiser pular etapas, vai ter que continuar na mesma prova para sempre. E é aí que você fica uma vida inteira amargurada, sozinha, sofrendo.

É hora de você descobrir o seu lugar, é hora de despertar.

Paz e Luz.